QUEDAS

Imagine a seguinte situação: você está caminhando tranquilamente quando, de repente, torce o tornozelo num buraco que havia na calçada. A situação piora e, ao consultar um ortopedista, você descobre que terá de fazer uma cirurgia. Isto também pode acontecer com quem, por exemplo, está passeando no shopping ou fazendo compras no supermercado, e acaba escorregando no piso molhado que não estava devidamente sinalizado.

Se você passar por uma situação como essa

Saiba que pode ter o direito de pedir uma indenização pelos danos que sofreu, afinal, como se não bastasse o constrangimento, a vítima ainda pode ter lesões sérias e até irreparáveis por causa de uma simples queda.

O QUE EU PRECISO FAZER?

Para entrar com uma ação de indenização, é necessário reunir algumas provas, como por exemplo:

  • Fotos e vídeos do local e das lesões
  • Testemunhas (pegue o máximo de informações possível sobre elas, como telefones, e-mail, endereço, RG e CPF, etc.)
  • Documentos médicos (prontuário, receitas, atestados, declarações e exames)
  • Comprovantes de despesas

PRAZO

Existe um prazo para propor qualquer tipo de ação; se ele for perdido, a vítima não pode mais pedir a indenização. Por isso, não deixe para última hora e venha conversar com a gente para saber mais sobre o seu caso.

VAMOS CONVERSAR?